Coco ChanelGabrielle Bonheur Chanel nasceu em Saumur, França, a 19 de Agosto de 1883, tendo falecido a 10 de Janeiro de 1971. Chanel, mais conhecida como Coco Chanel, foi uma importante estilista francesa e uma mulher à frente do seu tempo. As suas criações até hoje ditam e influenciam a moda mundial.

Em 1903, com 20 anos, Gabrielle sai do colégio interno e tenta procurar emprego na área do comércio, dança como bailarina e também faz as suas tentativas no Teatro, onde raramente teve grandes papeis devido à sua estatura. Mais tarde, já com 25 anos, Chanel conhece um rico comerciante de tecidos, chamado Etienne Balsan, com vai viver.

Por volta de 1910, na capital francesa, Coco vai conhecer o grande amor da sua vida, um milionário inglês, chamado Artur Boyle, que a vai ajudar a abrir a sua primeira loja de chapéus. A loja Chanel iria tornar-se um sucesso e apareceria nas revistas de moda mais famosas de Paris.

Com este amor, Chanel aprenderia a frequentar o meio sofisticado da Cidade Luz.

Algum tempo depois, Boyle acaba a sua relação com Gabrielle para casar com uma inglesa, morrendo meses mais tarde num desastre de avião.

Chanel abre a sua primeira casa de costura e comercializa também os seus chapéus. Nessa mesma casa começa a vender roupa desportiva para ir praia e montar a cavalo e iria inventar também as primeiras calças para mulher. No início dos anos 20, Chanel conhece e apaixona-se por um príncipe russo pobre Dimitri Paulovitch, que tinha fugido com a sua família da Rússia. A sua relação com Paulovitch vai fazer com que Chanel comece a desenhar roupa com bordados do folclore russo e para isso contrata 20 bordadeiras. Neste período, Chanel vai conhecer muitos artistas importantes, como Picasso, Luchino Visconti, Greta Garbo, entre outros.

Perfumes ChanelAs suas roupas vestiram as grandes actrizes de Hollywood e o seu estilo ditava a moda em todo o mundo. Além de confecções próprias, desenvolveu perfumes com a sua marca. Em 1936 iria cria o perfume que a iria converter numa super celebridade por todo mundo, o nome do perfume era nº5, porque era o seu algarismo da sorte. Depois deste perfume também iria criar o nº17, mas não teria o mesmo êxito do que o nº5.

Durante a Segunda Guerra Mundial, Chanel fecha a sua casa e envolve-se, amorosamente, com um oficial Alemão. Reabre em 1954.

No final da guerra, os franceses conceituam este romance mal e deixam de frequentar a sua casa. Nesta década, Chanel vai ter muitos problemas económicos e vai ter de pensar numa solução. E para manter a casa aberta, Chanel, iria começar a vender as suas roupas nos EUA.

Devido à morte do Presidente Kennedy e ao facto da sua esposa ser admiradora da Chanel, faz com que Chanel comece a aparecer nas revistas de moda com a criação do seu tailleur (casaco, fato e sapatos) e também com que volte a residir de novo em França.

Falece no Hotel Ritz em 1971 onde vivia. O seu funeral foi assistido por centenas de pessoas que levaram as suas roupas em sinal de homenagem.

Coco Chanel