HeegerAlan J. Heeger, nascido a 22 de Janeiro de 1936, é um físico norte-americano, vencedor de um Prémio Nobel da Química, em 2000. Recebeu o grau de mestre na Universidade de Nebraska em 1957 e, em 1961, obteve o grau de Doutor em Ciências Físicas pela Universidade da Califórnia, Berkeley. Ingressou na Universidade da Pensilvânia em 1962, e até 1982, a sua carreira esteve intimamente ligada a esta Instituição Académica, na qual ocupou os cargos de professor assistente, director do Laboratório para a Investigação sobre a estrutura da matéria e, entre 1981 e 1982, vice-reitor de pesquisa.

Nesse mesmo ano transferiu-se para a Universidade de Califórnia, Santa Bárbara como professor de física e director do Instituto para Polímeros e Sólidos Orgânicos.

Em 1990 fundou junto com o seu colega Paul Smith, a corporação UNIAX, de que é professor e director de pesquisa. Durante a sua carreira, publicou numerosos artigos científicos sobre materiais, especialmente sobre polímeros orgânicos. As suas pesquisas sobre a capacidade condutora dos polímeros orgânicos e as suas aplicações tecnológicas tem-lhe valido diversos prémios, destacando-se o Prémio Balzan, o Prémio John Scout e o Prémio Oliver E. Buckley para a Matéria Física Concentrada. No ano de 2000 a Academia Sueca atribuiu-lhe o Prémio Nobel da Química, pela sua contribuição ao conhecimento e desenvolvimento da ciência dos polímeros orgânicos condutores de electricidade, também conhecidos como metais sintéticos. O Prémio Nobel foi compartilhado com Alan G. MacDiarmid e Hideki Shirakawa.

Alan J. Heeger