Flávio Joviano nasceu no ano de 332 e morreu no dia 17 de Fevereiro de 364. Joviano foi um soldado eleito Imperador Romano pelo exército a 26 de Junho de 363, após a morte de Juliano, o Apóstata. Este último havia sido mortalmente ferido em batalha contra as forças de Sapor II da Pérsia. Tendo em vista que o exército romano se encontrava em território persa, Joviano viu-se forçado a celebrar a paz em termos desfavoráveis, de maneira a poder conduzir as suas tropas de volta ao território romano.

Joviano era cristão, diferentemente do seu antecessor apóstata, Juliano, que havia promovido um retorno ao paganismo. Joviano morreu a 17 de Fevereiro de 364, ao fim de um reinado de 8 meses, após ter reconduzido o Império ao cristianismo.

Flávio Joviano