Manuel Cargaleiro nasceu em Chão das Servas a 16 de Março de 1927. É actualmente um pintor e ceramista português.

Nascido no concelho de Vila Velha de Ródão, distrito de Castelo Branco, viveu desde criança na margem Sul do Tejo, nos concelhos de Almada e Seixal.

Em 1949 participou no Primeiro Salão de cerâmica organizado por António Ferro em Lisboa e, em 1952, realizou a primeira exposição individual de cerâmica organizado pelo então Serviço Nacional de Informação. Foi professor de cerâmica na Escola de Artes Decorativas António Arroio, de Lisboa, e tem desde 1994 no Fogueteiro, baptizada com seu nome, a Escola Secundária Manuel Cargeleiro. Em 1957 fixou residência em Paris onde está representado em permanência na Galeria Albert Loeb. Porém a partir do último quartel do século XX passou a trabalhar quer em França quer em Lisboa e no Monte da Caparica.

A 31 de Janeiro de 1990 criou em Lisboa a Fundação Manuel Cargaleiro, à qual doou um vasto conjunto das suas obras e a colecção constituída por objectos de várias temáticas. Possui um atelier na Fábrica Viúva Lamego, em Sintra e, a partir de 1999, em Vietri sul Mare, província de Salerno, em Itália), onde em 2004 foi inaugurado o Museu Artístico Industrial Manuel Cargaleiro.

Manuel Cargaleiro