De acordo com a lenda associada à conquista de Tróia pela Grécia, no dia 24 de Abril de 1184 a. C., um grande cavalo de madeira foi deixado junto às muralhas de Tróia. Construído de madeira e oco no interior, o cavalo abrigava alguns soldados gregos. Deixado à porta da cidade, os Troianos acreditaram que o Cavalo era um sinal de rendição do exército inimigo.

Durante a noite, os guerreiros deixaram o Cavalo e abriram os portões da cidade. Assim, o exército grego pôde entrar sem esforço em Tróia, tomar a cidade, destruí-la e incendiá-la. O cavalo de Tróia teria sido uma invenção de Odisseu, o guerreiro mais engenhoso da Ilíada e personagem da Odisseia, tendo sido construído por Epeu.

O Cavalo de Tróia