O lápis foi hoje criado, em 1564. O seu protótipo poderá ter sido o antigo Romano stylus, o qual consistia num pedaço de metal fino utilizado para escrever nos papiros, habitualmente feito a partir de chumbo.

Em 1564, um enorme depósito de grafite foi descoberto perto de Borrowdale, em Inglaterra. Os habitantes locais descobriram que era muito útil para marcar ovelhas. Este depósito particular de grafite era extremamente puro e sólido, sendo facilmente utilizado.

A Inglaterra manteve o monopólio sobre a indústria de lápis por muito tempo, até que outras fontes de grafite foram descobertas. Porém nenhuma era tão pura quanto a de Borrowdale, pois continham muitas impurezas e para retirá-las era preciso quebrá-la, resultando num pó, que poderia ser reconstituído e transformar-se em lápis.

O Lápis