Frank Lloyd Wright nasceu em Richland Center a 8 de Junho de 1867 e morreu em Phoenix a 9 de Abril de 1959. Wright foi um arquitecto norte-americano, considerado um dos mais importantes do século XX. Foi a figura chave da arquitectura orgânica, um desdobramento da arquitectura moderna que se contrapunha ao International Style europeu.

Trabalhou no início da sua carreira com Louis Sullivan, um dos pioneiros em arranha-céus da Escola de Chicago. F. L. Wright defendia que o projecto deve ser individual, de acordo com sua localização e finalidade. Frank influenciou o rumo da arquitectura moderna através das suas ideias e obras.

Em meados de 1900, no período de 1895 a 1905, a arquitectura dos Estados Unidos da América era uma junção de estilos eclécticos, sem que de nenhuma maneira tivessem relação com as ideias e os ideais da nação. Na mesma época, considerava-se como arquitectura o levar à prática modas e estilos sem relação com as técnicas de construção, um fenómeno chamado eclectismo. Por outro lado, era também uma época em que toda a indústria da construção estava a experimentar várias transformações revolucionárias. Nesta altura apareciam novos materiais de construção, ao mesmo tempo que se desenrolavam novos métodos de transformação para os materiais antigos. Mesmo assim, a arquitectura que realmente se levava à prática naquele tempo, pouco ou nada reflectia estes novos métodos e materiais.

Os seus principais trabalhos foram a Casa da Cascata, também conhecida por Casa Kaufmann, considerada a residência moderna mais famosa do mundo, e a sede do Museu Solomon R. Guggenheim em Nova Iorque.

Frank Lloyd Wright