O I Governo Constitucional de Portugal teve início a 23 de Setembro de 1976, sob a chefia de Mário Soares. As primeiras eleições democráticas para a presidência da República foram realizadas por sufrágio directo, tendo vencido Ramalho Eanes, um dos oficiais do Grupo dos Nove.

A 12 de Novembro do mesmo ano realizam-se as primeiras eleições autárquicas, tendo todas as instituições democráticas sido restauradas. Portugal entra para o Conselho da Europa e simultaneamente inicia o processo de adesão à CEE.

I Governo Constitucional de Portugal