Melbourne, cidade fundada no dia 29 de Agosto de 1835, é a capital e a maior cidade do Estado de Victória, na Austrália, sendo a segunda maior região metropolitana do país, localizado na costa sul. Melbourne é um grande centro industrial, possuindo indústrias de construção naval, de maquinaria agrícola, têxtil e de componentes electricos, bem como actividades de carácter comercial, exportando algodão e bens agrícolas, agro-industriais e de transportes. Tem cerca de 62 mil habitantes na cidade propriamente dita e mais de 3.7 milhões de habitantes na região metropolitana. A cidade recebe anualmente mais de um milhão de turistas estrangeiros, e mais de 7 milhões de australianos, sendo um dos principais destinos turísticos do país. Existem vários pontos de interesse, como as Torres Rialto, e a Torre Eureka, para além de vários parques, museus, entre tantos outros.

Foi fundada em 1835 e a sua designação actual foi atribuída dois anos mais tarde por Lorde Melbourne. Melbourne teve duas grandes fases de desenvolvimento: a primeira foi na década de 1850, impulsionada pela procura do ouro, que originou um grande crescimento da cidade, de tal forma que ultrapassou Sydney e tornou-se a capital temporária e sede do governo australiano, entre 1901 e 1927. O segundo acontecimento que proporcionou o seu desenvolvimento foi o incentivo dado pelo Governo à imigração após a Segunda Guerra Mundial, nomeadamente de europeus, mas também de asiáticos, assim como o acontecimento desportivo importante que foi a realização dos Jogos Olímpicos de Verão de 1956.

Actualmente Melbourne é umas das cidades do mundo com maior qualidade de vida.

Fundação de Melbourne