Um Auto-de-Fé praticado no Terreiro do Paço.
Um Auto-de-Fé praticado no Terreiro do Paço.

Um Auto-de-Fé é um ritual de penitência pública ou humilhação de hereges, realizados pela Inquisição, principalmente em Portugal e Espanha.

O primeiro Auto-de-Fé ocorreu em Sevilha, durante o ano de 1481, com a execução de seis homens e mulheres. A Inquisição teve um pouco menos de poder em Portugal, tendo sido estabelecida em 1536 e durado oficialmente até 1821, se bem que tenha sido muito debilitada com o regime do Marquês de Pombal na segunda metade do século XVIII. O primeiro auto-de-fé em Portugal foi realizado a 20 de Setembro de 1540 em Lisboa, onde a praça do Rossio serviu de local de execução, embora sejam também conhecidos autos no Terreiro do Paço, como representa a imagem. No Porto houve apenas um auto-de-fé, bem como no México, Peru e Brasil.

O último Auto-de-Fé em Portugal ocorreu no dia 7 de Agosto de 1794, contrariando as tradicionais sentenças de centenas de inocentes, sendo apenas condenado a prisão um homem que teria insultado a Igreja. Actualmente, o Vaticano já condenou estes actos, pedindo desculpas por os ter executado.

O Último Auto-de-Fé