O White Ship foi um Navio inglês que naufragou no Canal da Mancha, ao largo da Normandia, a 25 de Novembro de 1120, tendo falecido neste acidente Guilherme Adelin, o único filho legítimo do Rei Henrique I de Inglaterra, bem como toda a sua corte. Faleceram também três dos seus irmãos bastardos incluindo Maud, condessa de Perches. O único sobrevivente foi um marinheiro anónimo, que depressa caiu no esquecimento.

Pintura de Época do Naufrágio do White Ship
Pintura de Época do Naufrágio do White Ship

Fontes de época indicam como causa do naufrágio o facto de que os Padres foram proibidos, por razões não especificadas, de abençoar o Navio antes da sua partida. Estevão de Blois sobreviveu à catástrofe uma vez que desembarcou um pouco antes da partida. Com a morte de Guilherme Adelin, Estevão tornou-se o mais forte concorrente à Coroa de Inglaterra, que acabou por herdar em 1135.

Naufrágio do White Ship