Aulo Vitélio Germânico, no seu original Aulus Vitellius Germanicus, nasceu a 24 de Setembro de 15 d.C. e faleceu 22 de Dezembro de 69. Destacamos Aulo Vitélio no Diário Universal por ter ascendido ao trono do Imperador Romano no dia 2 de Janeiro de 69.

Vitélio foi aclamado pelas Legiões que comandava, estacionadas na Germânia, e venceu as tropas de Otão na Batalha de Bedriaco, tendo reinado apenas oito meses até à sua morte, durante o Ano dos Quatro Imperadores, mas ficou famoso pelo seu apetite e pela igualmente grande crueldade. Porém, Aulo Vitélio foi derrotado pelos Exércitos de Vespasiano, tendo sido capturado, despido, cruelmente executado e lançado ao Rio Tibre. Aulo ficará para a História por ter sido o Imperador em acrescentar o cognome honorífico de Germânico ao seu nome, em vez de César, por considerar que dignificava mais o seu cargo, por dominar a mais bélica e conflituosa região do Império Romano.

Aulus Vitellius Germanicus